19.11.07

Zwkrshjistão, um refúgio da democracia

Política
O Zwkrshjistão é uma república democrática —até segunda ordem do presidente Tzawsëj Trçakydf. Sua excelência tomou posse em 1976, quando o antigo rei, sua família, seu primeiro ministro, seus conselheiros, sua guarda real e seu hamster de estimação vieram a falecer num lamentável acidente. Desde então, vem sendo reeleito sucessivamente com absoluto apoio popular.
     Homem de espírito paternalista, o presidente dá preferência a secretários, ministros e funcionários de sua família, ainda que nenhum deles tenha o ensino primário completo. A primeira-dama, a elegante e roliça madame Ïkrsfglja Trçakydf, passa onze meses ao ano em spas escolhidos a dedo pela sua mãe e mantidos com dinheiro público. Correm boatos de que não é por coincidência que, nos breves períodos em que ela vive no palácio governamental, o presidente apareça em público com um dos olhos roxos.
     O presidente Trçakydf também é conhecido por sua popularidade junto aos jovens. Promove, anualmente, o concurso Pequeno Ditador nas escolas primárias do país. O vencedor ganha todas as despesas de exílio perpétuo pagas na Sibéria, como forma de assegurar que não liderará uma revolução no futuro.
     Em 1989, fruto da maior importação de concreto da história do comércio mundial, iniciou-se a construção da estátua do presidente Trçakydf, conhecida como o colosso de Z'zträkosk. Por um erro de cálculo do engenheiro-chefe, o material deu apenas para chegar até os ombros da figura. A cabeça foi construída, então, com entulho resultante da demolição da mansão do engenheiro que, desaparecido numa viagem misteriosa, deixou um testamento em favor do grande presidente.
     Devido a um mal-entendido envolvendo um espião e os freios de um alto diretor da Onu, o Zwkrshjistão não é parte da organização. E, como ninguém tem interesse no seu queijo coalhado de leite de mula e toda produção de vodka de cebola é consumida internamente, não participa dos grandes tratados comerciais.

12 comentários:

Isadora A. disse...

é só eu te demitir, que vc já quer DE NOVO aparecer no meu caminho, agora, querendo escrever no mesmo lugar que eu, é isso ?

hunf... vc não se contenta com seu lugar UNICAMENTE de personal-photo-stylist, néee !?

te contar, viu...

Tyler Bazz disse...

É uma grande pena, pois a vodca de cebola deve ser uma iguaria esplendorosa!!

Alf. disse...

rsrsrsrs... vejo que vc conseguiu capturar mesmo os anões em?! rsrsrs


mas vem k, como se pronuncia Zwkrshjistão (rs!)

Depois de tanto tempo sem entrar no mundo "blogger"... Eu tou voltando!
;)

abração cara!!!

o amnésico disse...

Governante progressista e previdente, instituições sólidas, irrestrita fidelidade do povo... o tipo de parceiro comercial que interessa ao Brasil; o Itamaraty precisa instalar uma embaixada em Z'zträkosk urgentemente!

Afinal, o mundo é dos emergentes!

Duda disse...

ehauehauehau
cara... muito boa essa sequência sobve o Zwkr (pra quem já íntimo)
os nomes, estereótipos...
ta tudo muito engraçado =D
abraços!

Jana disse...

Gostei do presidente, eu sou fã dessa idéia de "quem manda na democracia sou eu"

Bruxx disse...

Oi lindo, td bem?
Menino!!! onde vc foi achar Zwkrshjistão ???????

Isso é que eu chamo de pessoa bem informada.
Quando crescer quero ser igual a vc.
A sequência dos posts é impressionante.

Interessante os costumes de lá.
Mas, vodka de cebola... deve ser esquisito, né.

Beijokinhas saudosas
(vassourando)

Lais Mouriê disse...

Mais um ótimo texto, Bruno... Vc é muito bem informado... não posso mesmo passar muito tempo sem vir aqui!

Bjos

Rogério Felício disse...

Sorte dele que os senhores da guerra não gostam de vodka e leite coalhado de mula...hahahaha!

Alf. disse...

rsrsrs, eu ia assisti semana passada, mas devido a alguns problemas nao deu!!!

o que te vez lembrar do filme? rsrsrs

Anne disse...

HSUhAUSHuASHuAHSuhAS, mas que belo concurso esse e mais belo ainda o prêmio...vou inventar um desses aqui no meu trabalho, mas só se o prêmio puder ser o mesmo...hahaha

Mas que sacrilégio eles consumirem toda a vodca de cebola internamente, e como fica o pessoal aqui do sul do Brasil que quiser experimentar??? rs

Bjokassss, adorei!

FINA FLOR disse...

prêmio pequeno ditador foi demais, adorei, kkkkk

beijos e boa semana, querido

MM.